Publicidade - OTZAds

Como escolher o melhor cartão de crédito para o seu negócio?

Escolher um cartão de crédito para sua empresa pode parecer uma tarefa simples, mas requer muita atenção, conhecimento e visão estratégica. Afinal, hoje em dia há tantas opções no mercado que é preciso ficar de olho para não cair em armadilhas ou perder oportunidades que fazem sentido para o negócio.

Acontece que o mercado hoje está cheio de ofertas que podem parecer boas – e às vezes até são – mas que não são compatíveis com o que a empresa precisa. Pode ser um limite muito baixo, anuidade muito alta ou até benefícios nada atrativos.

Sendo assim, quanto mais você pesquisar, maior a chance de optar por um cartão que possa ser um bom aliado na estratégia de crescimento saudável do seu empreendimento.

Então, a missão deste conteúdo é te apresentar tudo que você precisa observar na hora de escolher o melhor cartão de crédito para sua empresa.

Continue lendo e descubra como escolher o melhor cartão de crédito para o seu negócio.

Publicidade - OTZAds

O que é um Cartão PJ?

Para começar, que tal entender de uma vez por todas o que é um cartão PJ? Bom, esse tipo de cartão funciona de uma forma muito parecida com o para pessoa física.

A empresa tem um limite de crédito negociado com a instituição financeira para ser usado em compras, que podem ser pagas à vista ou parceladas, ou pagamento de serviços.

Assim, tudo o que for pago com cartão é pago por meio de uma fatura na data de pagamento pré-estabelecida no momento de contratação do serviço de crédito. 

Normalmente, uma particularidade do cartão empresarial é oferecer à pessoa empreendedora o acesso a limites de crédito mais altos, que frequentemente são usados em investimentos para a empresa.

Como exemplos disso, destaca- se a compra de novos equipamentos, ferramentas e materiais para melhorias na estrutura física do prédio. No entanto, é importante que o setor financeiro esteja bem por dentro desse limite do cartão e desses gastos.

Afinal, se não houver um planejamento para o uso do cartão de crédito, a empresa pode acabar tendo problemas futuros em relação aos pagamentos de fatura.

Sendo assim, antes de se pensar em escolher o melhor cartão de crédito para CNPJ, é preciso entender se a sua empresa está apta a adquirir esse meio de pagamento e utilizá-lo de forma saudável e sustentável.

Motivos para ter um Cartão PJ na sua empresa

Se bem utilizado e controlado, o cartão de crédito é um excelente aliado para o dia a dia de qualquer empresa. Afinal, ele dá poder de compra e pode, inclusive, contribuir com o fluxo de caixa da empresa.

Quando se concentra as compras da empresa num único lugar, fica mais fácil fazer o controle junto ao setor de contas a pagar. Imagine, por exemplo, que um dos seus funcionários precise fazer uma atividade externa, na qual todas as despesas sejam cobertas pela sua empresa. Se ele utilizar o cartão de crédito, não será necessário solicitar uma prestação de contas com notas fiscais e recibos.

O cartão corporativo serve para facilitar essa demanda de trabalho já que tudo está no extrato que pode ser importado para o relatório de despesas. Muito mais simples e rápido.

Publicidade - OTZAds

Dessa forma também há uma melhora na análise de gastos da empresa. A organização de dados financeiros acontece de uma forma muito mais precisa com o cartão pessoa jurídica.

Já que todo o extrato da conta da empresa e do cartão pode ser exportado para os relatórios e as despesas são mais facilmente analisadas.

Além desses benefícios mencionados, quando se usa um cartão de crédito pj e paga todas as faturas em dia, começa-se a criar um bom relacionamento com o banco emissor do cartão.

Isso possibilita também o aumento de limites e redução de taxas bancárias. Inclusive, com a chegada do Open Banking Brasil, essas financeiras tendem a ficar muito mais abertas a oferecerem crédito e benefícios aos empresários.

Como escolher um cartão de crédito?

Então, se você já avaliou as condições da sua empresa e chegou à conclusão que, sim, o cartão de crédito vai contribuir muito com o seu fluxo de caixa.

E também já entendeu os benefícios que ele pode trazer para o seu negócio –, confira algumas dicas de como escolher um cartão de crédito pj.

Avalie a necessidade do negócio

A chegada das fintechs no Brasil trouxe uma maior concorrência dos bancos para conseguir conquistar mais clientes. Com isso, foram tendo inovações nos serviços oferecidos por eles.

Então, antes de decidir em qual instituição financeira contratar um cartão de crédito, é importante entender o momento que a sua empresa está, o que ela mais precisa dentre os serviços oferecidos e também os benefícios que fazem mais sentido.

Compare os benefícios do cartão

Com todas as suas necessidades levantadas, é hora de começar a comparar as ofertas disponíveis no mercado.

O ideal aqui é priorizar aqueles bancos que têm serviços compatíveis com a realidade do seu negócio. Lembre-se que alguns benefícios podem ser interessantes para uma pessoa física, porém não necessariamente para uma pessoa jurídica.

Busque opções com anuidade gratuita

Sim, já existe cartão de crédito sem anuidade e você não precisa mais pagar essa taxa. Na Cora, por exemplo, ao abrir sua conta pj gratuita, você pode ter disponível um cartão de crédito também sem pagar a anuidade.

Pode parecer pouco, mas essa taxa pode ser aplicada e investida em outro benefício para o seu negócio.

Entenda se há outras taxas

Há empresas que oferecem a anuidade gratuita, porém cobra por outros serviços ou taxas que não fazem sentido.

Por isso, lembre-se sempre de olhar todas as condições para ter acesso àquele cartão.

Publicidade - OTZAds

Limite de acordo com a necessidade

O limite não pode ser nem muito baixo, nem muito alto. O ideal é que ele seja de acordo com as suas condições.

A lógica aqui é que, um limite abaixo do que você precisa pode te colocar em situações constrangedoras ao não ter uma compra aprovada.

Além disso, te obriga a ir atrás de outro cartão de crédito – o que não é interessante, tendo em vista que quanto mais concentrados seus custos estiverem, melhor a organização financeira.

Da mesma forma, um limite muito alto pode causar um certo descontrole nas despesas e você não conseguir honrar com as obrigações do pagamento em dia.

Isso acarreta em taxas de juros e multas, além do risco de ter o nome da empresa cadastrado nos órgãos de proteção ao crédito.

Pronto, seguindo essas dicas, com certeza você conseguirá escolher o melhor cartão de crédito para o seu negócio, um cartão que seja um bom aliado ao seu negócio e ajude-o a prosperar de forma sustentável.

Analista de SEO | + posts

Responsável pela administração de websites e redes sociais, com ênfase em marketing de conteúdo e SEO off page.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ 71 = 76